busca

A MARATONA LENDÁRIA

No ano de 490 A.C. quando os soldados atenienses partiram  para a planície de para combater os persas na , suas  mulheres ficaram ansiosas pelo resultado porque os inimigos  haviam jurado que, depois da , marchariam sobre , violariam  suas mulheres e sacrificariam seus filhos. Ao saberem dessa  ameaça, os gregos deram ordem a suas esposas, para que se  não recebessem a notícia da sua vitória em 24 horas, matar  seus filhos e, em seguida, se suicidassem. Os gregos  ganharam a batalha, mas a luta levou mais tempo do que  haviam pensado, de modo que temeram que elas  executassem o plano. Para evitar isso, o general  grego ordenou a seu melhor corredor, o soldado e atleta ,  que corresse até Atenas, situada a cerca de 40 km dali, para  levar a notícia. Filípides correu essa distância tão  rapidamente quanto pôde e, ao chegar, conseguiu dizer  apenas “vencemos”, e caiu morto pelo esforço.  No entanto, conta que, na realidade, foi enviado antes da  batalha a e outras cidades gregas para pedir ajuda, e que  tivera de correr duzentos e quarenta quilômetros em dois  dias, voltando à batalha com os reforços necessários para  vencer os persas Seja como for, cerca de 2400 anos mais  tarde, em 1896, nos primeiros da era moderna, Filípides foi  homenageado com a criação dessa prova cuja distância era  de 40 km, mas que desde 1908 está estipulada em  42,195 km.

Fonte: Wikipédia